18/04/2012 às 11:02:30

Obesidade e os maus costumes do dia a dia

Sedentarismo e transtornos emocionais, ligados ao excesso ou má alimentação, são algumas das causas do aumento de peso

  • Foto: Divulgação

Jornal Boca - Edição 142

Carla Superti

O índice de pessoas acima do peso no Brasil cresceu: agora são 48,5%. Os dados são da pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel 2011), promovida pelo Ministério da Saúde em parceria com o Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde da Universidade de São Paulo.

O estudo mostra que em seis anos a porcentagem de pessoas acima do peso no país passou de 42,7% em 2006 para 48,5% em 2011. Neste mesmo período, o percentual de obesos subiu de 11,4% para 15,8%.

Má alimentação, sedentarismo, genética e outros fatores podem levar uma pessoa a esse resultado. “A obesidade também pode estar relacionada a questões de ansiedade. Qualquer transtorno alimentar pode estar ligado ao emocional do sujeito”, afirma a psicóloga Lidiene Fortes.

A nutricionista Andressa Radins Michel concorda que problemas emocionais ajudam no aumento de peso e completa: “O grande número de “gordinhos” nos dias atuais ocorre principalmente por fatores como o estilo de vida incorreto, ou seja, alimentação inadequada (consumo frequente de alimentos industrializados, alimentos ricos em açúcares e gorduras) e sedentarismo”. Andressa ainda lembra dos problemas endógenos – como hormonais ou orgânicos – que também ajudam no sobrepeso e obesidade.

Confira esta reportagem especial completa no Jornal Boca desta quarta-feira (18), já nas bancas!!!

Deixe seu comentário
Fechar janela




0
Comentários

Esta notícia ainda não tem nenhum comentário.